/ Episódio de Hoje

12jan

Viagem para Curitiba de carro

Postado por às em Episódio de Hoje, Vale a pena?, Viagem, vida

IMG_6276

Tinha um tempo eu estava querendo fazer uma viagem de carro, ir um pouco mais longe do que a última que foi para Atibaia, risos. Primeiro pensei em Minas Gerais, aquela região do Capitólio, mas considerei que no final do ano iria estar super lotado, e se tem uma coisa que eu não curto é lugar cheio. É gente, a idade chega pra todo mundo.

Chegamos na conclusão de que Curitiba seria uma boa escolha, então, começamos os preparativos. O crush é uma pessoa muito metódica, gosta de planejar tudo nos mínimos detalhes, tipo ver situação das estradas, telefone das concessionárias, revisão total geral do carro, cronograma de atividades por dia. Foi bem mais do que eu citei aqui, mas foi legal essa preparação.

Eu gosto de planejar de leve, de saber as opções e acordar, tomar um café da manhã tranquila e discutir: “vamos fazer isso e isso hoje?” e ai partir.

IMG_6077

A estrada pra Curitiba é basicamente a BR 116 – Régis Bittencourt, tem 6 pedágios e dois pontos mais críticos. Saímos pela madrugada para evitar trânsito na Serra do Cafezal, que é o ponto mais complicado, onde existe uma pista única e perigosa, com tráfego dos dois lados. Eu peguei essa parte e fiquei muito tensa, é real oficial, dá muito medo os caminhões vindo em alta velocidade na pista contra você.

Acho que dirigi uns 200 km e paramos no posto Buenos Aires, que foi uma indicação que li em um blog, era um Graal bem agradável, com muitas opções. Se você está planejando ir para Curitiba, guarde essa referência, vale a pena, fica no km 442.

Road trip pra Curitiba – caminho lindo. #curitiba #nofilter #nature #achadosdasemana

Uma foto publicada por Taína Sena (@tainasena) em

Depois disso o boy assumiu o volante e pegamos a serra do azeite, cheia de curvas e paisagens bonitas, vimos o nascer do sol ali – L-I-N-D-O! foi bem gostoso. Me lembro que utilizamos tanto a palavra “contemplar” que virou o mote da viagem. Enquanto isso, foi a minha vez de atuar como co-pilota e suprir o motorista com bebidas e comidinhas (ele preparou um kit viagem cheio de bebidas, comidinhas, chocolates).

Chegamos em Curitiba city às 9h e nosso checkin era só as 12:00 – pense numa pessoa morta? Ambos! Eu não dormi nada desde o dia anterior, mas partimos em uma caminhada para o centro histórico e já conhecemos um pouco da cidade. Minhas primeiras impressões foram ótimas, parece que até os moradores de rua são ricos por ali.

Acho que esse post está um pouco extenso, então, vou contar um pouco da parte turística no próximo, ok? Já adianto que eu amey!

06dez

Planet 21 no Sofitel Jequitimar

Postado por às em Episódio de Hoje, Viagem

sofitel

Semana passada eu fui conhecer o hotel Sofitel Jequitimar que fica ali no Guarujá, o hotel é famoso por ser propriedade do Silvio Santos e por ser um dos mais luxuosos da região. O convite veio por parte da Accor que organizou o Sofitel Planet 21 fair, que tratava-se de um evento sobre sustentabilidade, responsabilidade social e ecologia.

Chegamos no hotel em grande estilo e fomos recebidas pela equipe de marketing e comunicação, partimos para um almoço com uma bela vista para o mar. A estrutura de refeições é bem agradável, o salão é lindo, comida boa, bem feita e que enche os olhos.

Depois do almoço fomos convidadas a assistir a um show de música diferente, uma banda de deficientes visuais, incrível. Também conhecemos a estação de tratamento de água criada pelo Sofitel Jequitimar, acredite você ou não, eles tratam a água e precisam apenas de uma parte oferecida pelo sistema Sabesp.

A maior blogueira que vc respeita #SofitelJequitimar #Planet21 #blogueira #moda #fashion

Uma foto publicada por Taína Sena (@tainasena) em

Além do tratamento de água, o hotel também possui iniciativas como uma horta plantada pelos colaboradores e programas de responsabilidade social.

Por fim, teve um desfile de moda sustentável, na verdade, um concurso entre os colaboradores que tinha como mote, as olimpíadas.

Eu gostei de conhecer o hotel e saber que ele é focado em sustentabilidade, em cuidar do meio ambiente, afinal, ele está de frente pra praia, tem um grande volume de visitantes e faz parte de uma rede global que tem foco em sustentabilidade e ecologia.

Fora que achei riqueza demais conhecer o hotel do homem do baú!

 

31out

Cerveja Belga + Coxinha = <3

Postado por às em Episódio de Hoje, Gastronomia

12573020_1020256824714749_9198408239034597987_n

Semana passada eu fui convidada para participar de uma degustação de coxinhas e cerveja, opa! Nem pensei duas vezes, não era só cerveja e coxinha, era pra conhecer e degustar as cervejas belgas da cervejaria Halve Maan, localizada na cidade de Bruges.

Meu amigo Marcel representa essa marca aqui no Brasil e trouxe  4 rótulos,  a Brugse Zot Blonde, Brugse Zot Dubbel, Straffe Hendrik Tripel e  Straffe Hendrik Quadrupel, cada uma delas possui uma característica única e vão evoluindo em sabor, amargor e potência como uma escala, da blonde para a quadrúpel.

A cervejaria tem uma história interessante, lançou um cervejoduto que possui 3 quilômetros de extensão, levando a cerveja da produção ao local de engarrafamento, não é sensacional?

A que mais gostei foi a última, esta um pouco mais forte, com notas intensas de frutas passas escuras e aquele fundinho de caramelo, evolui muito no copo e se você também gosta de cervejas mais fortes, mais amargas, essa é uma boa pedida.

Ao mesmo tempo que experimentávamos as cervejas, também rolou uma degustação de coxinhas, pois no mês passado o restaurante Coxinharia Prime Taste foi inaugurado e trouxe para a região dos jardins, incríveis opções de coxinhas, umas mais gourmet, outras mais normais. Confesso que ainda não tinha ouvido falar desse lugar e incrivelmente adorei a proposta.

coxinha

Experimentei 5 tipos de coxinhas diferentes, mas a que mais gostei foi a de filé mignon com gorgonzola, olha só, eu não gosto muito de queijo gorgonzola, acho que ele toma muito “espaço” de qualquer outro ingrediente, mas nesse caso foi um belo acerto.

O cardápio é bem variado e vai da clássica, que custa R$5,00 até light e veggie a R$5,50. Um belo destaque é também a gaúcha, que tem costela, barbecue e parmesão (sem or!)R$ 6,75.

Já as cervejas belgas da Halve Maan podem ser encontradas online no link abaixo e saem em média entre R$26 – R$38 reais.

Fica a dica dupla pra quem gosta de cerveja importada e coxinha brasileira!

Coxinharia –  R. Dr. Rafael de Barros, 272 – Paraíso, São Paulo – SP, 04003-042

Cervejas  Halve Maan – siga o link

17out

Fim do projeto #32coisas

Postado por às em Episódio de Hoje, Você rica

 

IMG_3196

Okay, esse post demorou horrores né? Im sorry mas aconteceu tanta coisa na minha vida nas últimas 3 semanas que eu não consegui vir aqui dar uma atualizada e dizer como foi o fim do projeto.

Mas é aquela coisa, antes tarde do que nunca né?

1 – Ler um livro – não consegui, comecei a ler o livro novo do amigo Daniel Bovolento – Antes do Fim, mas não consegui tempo pra finalizar.

4 – Fazer exames de rotina – eu concluí esse item, mas confesso! Foi depois da data, eu já estava planejada pra fazer, mas infelizmente meu convênio não autoriza exames solicitados por nutricionista, então rolou de ir em ouro médico e isso vocês sabem, toma tempo.

5 – Ir pra academia 5 vezes por semana – esse item eu bati com louvor hein? Fui 7 dias por semana, com apenas 2 dias de abstenção. Muito fitness, Gabriela Pugliesi que me aguarde.

6 – Fazer limpeza de pele – rolou um groupon e fui, normal.

9 – Bater a meta da nutricionista – no meio do projeto eu mandei um whatsapp pra ela perguntando qual era a meta, ela respondeu que a gente tinha que atingir a meta e depois dobrar a meta, brinks, na verdade, a meta era eliminar o máximo possível nesse primeiro mês, não vou publicar aqui, mas foi sucesso hein?

10 – Fazer uma tatoo temporária tipo mehndi – achei a tatuadora, mas nossa agenda nunca bateu, sério, tentamos por umas 5 vezes. Quem sabe role por esses dias.

13 – Fazer uma limpa no guarda roupa – consegui eliminar apenas uma categoria de coisas: livros! Doei todos, foram vários aqui pro pessoal do condomínio e pro pessoal da empresa, muito boa essa sensação.

15 – Doar sangue – fiquei triste por não conseguir realizar isso, por que foi apenas por uma questão de tempo e logística que não rolou, mas quero muito tentar fazê-lo até o final deste ano.

16 – Ir em uma exposição de arte – não rolou também.

19 – Plantar temperos em casa – Rolou, rolou mara! Comprei alecrim, coentro e pimenta e plantei no dia do meu niver, o coentro coitado, já morreu, mas os demais estão indo bem, inclusive comprei também um pé de manjericão que está lindo.

IMG_3538

20 – Fazer um curso de bordado – Fiz, aprendi as coisas básicas e logo eu vou pendurar o quadrinho do meu primeiro bordado, ficou bem lindinho.

IMG_3524

21 – Fazer uma doação para o projeto médicos sem fronteiras – eu adorei cumprir essa parte do projeto, dá uma sensação boa, compartilhei nas minhas redes e espero ter incentivado mais pessoas a fazê-lo.

22 – Ir no teatro – fomos ver Wicked que estava na lista faz tempo, que espetáculo! Escrevi sobre como foi: Eu não gosto de musicais mais amei Wicked.

24 – Visitar o templo budista Zu Lai – Não rolou L

25 – Fazer um bolo red velvet – depois e pesquisar muito sobre, eu descobri que eu não gosto de bolo red velvet ahahah, eu gosto da cor, mas os ingredientes e o recheio não são do meu agrado. Eu adaptei uma receita e comprei um corante, não ficou super vermelho, mas valeu a experiência.

IMG_3549

26 – Fazer um novo curso de vinhos – Não rolou, tempo, tempo, tempo.

27 – Escrever cartas físicas para amigos – Foi muito bom, acho que eles gostaram, foi uma surpresa, com esse mundo extremamente digitalizado, receber uma cartinha escrita a mão, é surpreendente.

29 – Mudar decór do quarto – Eu dei uma ligeira mudada na posição da cama, a cabeceira e adicionei uma cadeira, deu uma outra cara e mais espaço, continuo odiando minha cabeceira e ainda falta colocar um criado e mais quadros.

30 – Esquecer o elevador por uma semana – não rolou por que eu esquecia toda segunda de começar hahaha.

31 – Dedicar-me mais ao blog – puxa, foi muito bem cumprido esse! O número de posts aumentou consideravelmente, fiz algumas mudanças no layout.

32 – Cuidar mais do meu carro – Olha, podemos considerar como cumprido, mandei lavar 2 vezes, arrumei um pneu e um problema na porta, acho que conta né?

No fim, ficaram 6 itens sem cumprir, hahaah normal, afinal a vida é muito corrida e teve uma grande mudança que em breve eu abro por aqui. Mas, mais importante que isso, é o fato de me questionar sempre, de me desafiar e correr atrás. Sair da inércia do dia-a-dia, afinal, somos nós os únicos responsáveis pela movimentação das nossas vidas.

Fica aqui um agradecimento pra todo mundo que acompanha e torce sempre pra esses projetos loucos.

 

04out

Não gosto de musicais mas amei Wicked

Postado por às em Episódio de Hoje

wickedcover

Eu nunca fui uma pessoa de musicais, neste ano, fui duplamente surpreendida. Dessa vez eu e o Jader ficamos ensaiando meses para assistir o tal musical da Broadway que encantou todo mundo em São Paulo, o Wicked.

Não gosto de ler muito antes de um filme ou espetáculo, então, fui de coração aberto. Muitos amigos já tinham ido me dado ótimas referencias, mas nada pode ser comparado com o que eu vi.

Como sempre, quase tudo na nossa vida é decidido de última hora, corremos para a bilheteria e compramos os lugares disponíveis, não muito perto do palco, mas dava pra aproveitar.

A primeira vista é do palco cheio de luzes, peças que farão mais sentido posteriormente, mas a grandiosidade e beleza é a primeira coisa com que você vai se surpreender. Logo depois, no começo da história, as cantoras principais entram no palco e fazem com que você se pergunte: elas estão cantando de verdade? Sim, elas estão!

wickedbrasil

E a orquestra? Sim, tem uma orquestra que toca ao vivo todas as músicas da peça.

A história é um prelúdio da história do mundo de Oz, antes da pequena Doroty ir parar na terra fantástica de Oz, e o mais interessante é que a versão exibida aqui tem um toque nacional, com algumas piadas atuais, o que eu achei interessante, gerou empatia do público.

Eu sai de lá encantada com a história, com as vozes e com a incrível orquestra, um sentimento de quero mais, de ver mais espetáculos como Wicked, mais musicais que toquem o meu coração e de muitas outras pessoas.

Ir ao teatro estava na lista das 32 coisas antes dos 32 e foi uma atividade que me deixou muito feliz, por isso eu resolvi escrever esse post, para compartilhar com você, para que você aproveite enquanto ainda está em cartaz e saia encantado, assim como eu.

elphaba

 

Plugin creado por AcIDc00L: key giveaway
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: seo valencia