18jul

Vale a pena visitar o Wendy´s Brasil?

Postado por às em Gastronomia, Vale a pena?
wendysbrasil

fonte: divulgação

 

Depois de muito sucesso da tag Quanto Custa? Eu vinha pensando em uma outra tag que fale sobre restaurantes/bares que são normais, mas que muita gente tem curiosidade de ir, por exemplo novos restaurantes como o Madero, o Wendy´s. Então conversando com o Jader em busca de um novo nome, resolvemos chamar de Vale a  pena? A ideia principal é comentar sobre a visita, o lugar, o serviço e talvez também preço. Eu espero que vocês gostem desse novo tipo de conteúdo também, bora saber: será que vale a pena visitar o Wendys?

Considerando tudo isso, semana passada fomos agraciados com a abertura da famosa rede de fast food Wendy´s, eu já estava monitorando alguns textos sobre o lançamento e estava bem animadinha pra ir. Quando estive nos USA eu não consegui visitar a rede, mas a fama eu já conhecia.

vale a pena wendys

Wendys na gringa

 

Chegamos lá com medo de fila, afinal, era sábado e convenhamos, todo paulista adora uma novidade gastronômica, seja pra comer mesmo, seja pra dar um checkin no facebook. Logo na entrada, a recepção foi feita pelo segurança, que já nos entregou um cardápio e prontamente nos disse que a fila durava apenas 15 minutos.

Ok! O que são 15 minutos pra quem já esperou muito mais que isso naqueles Mcdonalds lotados pós balada? Pausa pra contar que estávamos na fila e um grupo na nossa frente reconheceu um casal atrás da gente e começou um forféu, os caras pareciam aqueles adolescentes que se encontram e fazem um escândalo: “NOSSA vcs aqui tbém, que coincidência e se abraçavam e a gente lá no meio, tipo, dont touch me bitch”

Chegou a nossa vez, você já faz o pedido no caixa, que cobra e te dá uma dessas fichas que pisca, mas essa tem um sistema wireless de localização da mesa, quando vc senta, o sistema deles reconhece onde vc está, achei super cool, risos. A moça que pega o pedido é bem atenciosa, mas ainda sem muito treino, não conhece os produtos e as formas de imputá-lo no sistema.

Pedimos o tradicional Baconator, refri e uma batata extra de chili com chedar (amo chili!) chegamos na mesa, mas o sistema wireless não localizou direito, segundo o Jader, eu deveria botar o troço na mesa e não mexer. Molhos tradicionais e os apimentados estavam disponíveis, muito bons por sinal, destaque para o molho de pimenta sriracha com bacon e um de pimenta meio adocicado.

fonte: divulgação

fonte: divulgação

 

Chegou o pedido, oba! Mas veio errado! Fuén, a mocinha anotou a batata errada, mas o que achei bem legal foi que eles corrigiram e trouxeram a batata correta, independente do erro de valor e olha, o lanche é bem gostoso, eu quero voltar lá e experimentar outras coisas.

Eu coloco ele na categoria fast food, junto com McDonnalds, Burguer King, só que um pouquinho diferenciado, achei o lanche mais elaborado, o pão bem gostoso, inclusive você pode escolher entre 4 tipos de pães. O preço segue essa mesma avaliação e também está um pouco acima dos concorrentes acima, tudo deu em torno de 45 reais para cada um, considerando que pedimos o lanche completo, com batata e refri, 1 batata extra e 2 sorvetes. Achei bem ok!

Ah, como ~diferencial~ eles servem os lanches num prato de porcelana, não na famosa e tradicional bandejona, rs.

Pausa pra falar desses sorvetinhos, são daquele tipo soft, experimentei de doce de leite, óbvio,  acho que foi 8 reais, muito gostosinho mesmo.

 

euzinha com o frosty <3

euzinha com o frosty <3

 

Algumas pessoas me perguntaram sobre o café da manhã, eu dei uma passada na cafeteria que tem por lá e vi itens normais, nada como as famosas panquecas, mas pode ser que tenha essa opção de manhã.

O Wendys Brasil tem um game room e tem um espaço kids, no geral, apesar de faltar muito treinamento para a equipe de atendimento, achei um lugar bem legal e acho que Vale a Pena visitar, você vai comer um lanche gostoso, estar num ambiente aconchegante e sair bem satisfeito.

 

Wendy´s Brasil

Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 1201

Vila Nova Conceição

 

Leia também:

Quanto Custa jantar no Paris 6?

Quanto Custa jantar no Figueira Rubayat?

Os 7 melhores restaurantes de São Paulo

 

12jul

Um rio sem volta

Postado por às em Relacionamento

coração-header1

Eu estava sentada na sala de aula durante uma aula de filosofia, confesso, como eu viajava naquele monte de teoria e reflexões que muitas vezes nunca chegavam a lugar algum, mas tem uma frase que me marcou, uma teoria, o filósofo era Heráclito de Éfeso:

Ninguém pode entrar duas vezes no mesmo rio, pois quando nele se entra novamente, não se encontra as mesmas águas, e o próprio ser já se modificou

Essa frase ai nunca mais saiu da minha cabeça, vira e mexe aparece novamente e sempre que posso espalho ela por ai, mas onde eu quero chegar com essa frase aqui no blog? Gostaria de trazê-la para o ambiente “relacionamentos” e tentar fazer um paralelo interessante sobre o que ela pode significar e nos ensinar.

Toda vez que você se envolve com alguém, vem toda aquela paranoia dos relacionamentos anteriores, os dramas, os problemas e os inúmeros motivos pelos quais tudo não deu certo, ai você refaz uma linha do tempo e pensa que mais uma vez você pode sofrer com um relacionamento abusivo, com falta de interesse ou com uma traição. Você se fecha e não deixa o affair rolar, evoluir por medo de sofrer novamente, mas eu muitas vezes ouvi uma outra sábia frase: “é melhor sofrer por amor do que nunca ter amado”.

large-5

Considerando esse cenário, voltamos à teoria do Heráclito que nos faz lembrar que as coisas nunca são da mesma forma, você nunca vai amar seu atual namorado como o anterior, você nunca vai ter a mesma sensação pois somos eternos mutantes, cada minuto nos torna diferentes, e assim, cada relacionamento torna-se um novo rio, pronto pra você entrar e aprender, mutar-se, transformar-se em um novo você, um novo sistema operacional dentro de vc, por que tudo é evolução.

Então, não acredite que tudo vai ser igual, que os problemas que aconteceram antes irão rolar novamente, abra sua mente e coração para viver mais uma nova oportunidade de tornar-se mais feliz e lembre-se, tudo é mutável.

20jun

Férias em Morro de São Paulo

Postado por às em Viagem

Morro-de-São-Paulo

Pela primeira vez eu fiz uma viagem de férias para Morro de São Paulo, na Bahia. Não sabia que era um destino famoso e desejado. Poucos sabem, mas eu não tive tempo de planejar nada para essa trip, minhas queridas amigas Dani e Carol que fizeram grande parte do job.

As duas fizeram um trecho antes de mim, foram para a Chapada Diamantina, como era uma coisa mais roots eu declinei dessa parte e entrei apenas quando o destino era mais “tranquilo”. Fizemos a costa do dendê e a costa do cacau, conhecemos algumas ilhas e nesse post vou falar basicamente sobre Morro de São Paulo.

Como chegar em Morro de São Paulo?

Eis que vem o primeiro desafio, ilha é ilha né? Quem disse que é fácil chegar? Saí de SP, peguei um avião, nos encontramos no aeroporto de Salvador e ai começou a saga: pega um transfer, um catamarã 40 minutos, mais uma hora e pouco de carro e mais uma lancha. Quem disse que ia ser fácil? Quando você chega na ilha, tem que pagar uma taxa de preservação, acho que 15 reais, ai tu sobe literalmente um morro, risos. A cidade é bem pequena, tem 5 praias, muito comércio, restaurantes, hotéis e atividades turísticas. É bem pequena, mas aconchegante, acolhedora, você se sente bem, quase que em casa.

Onde se hospedar em Morro de São Paulo?

Nós ficamos no Anima Hotel, o segundo melhor hotel de Morro segundo o trip advisor (!) – ele fica na praia 4, que é extremamente reservada, um paraíso. Viagem tem sempre aquele lance de você ficar com medo do hotel não ser bem o que mostra nas fotos né? Com o Anima, não tivemos esse problema, ele era bem mais do que esperávamos. Ficamos num bangalô bem legal com jacuzzi e um clima todo romântico, percebemos que o lance em morro é meio que pra casais. Toda a equipe do hotel é maravilhosa, se você procura um lugar, apesar de ele ficar 20 minutos do ~centro~ vale muito a pena.

anima-hotel-morro de sp

Divulgação

Onde comer em Morro de São Paulo?

Todos os lugares são bem familiares, com comida simples, natural e cheia de peixe, camarão e tudo mais que o mar nos oferece. Tem restaurantes para todos os gostos, mas o forte mesmo é aquela moqueca, peixe, camarão, frutos do mar em geral. Eu fui em alguns lugares e na verdade não vou indicar nenhum, você pode experimentar tudo que a ilha te oferece, a única recomendação que faço é tomar cuidado com aqueles restaurantes que tem na beira da praia, pois quando a comida chega, vem junto um monte de mosca que aparece do nada pra atrapalhar sua linda refeição.

morrodesp-animahotel

instagram @tainasena

O que fazer em Morro de São Paulo?

Olha, tu tens 5 praias à disposição e ainda tem uma boa gama de passeios, como por exemplo visita às piscinas naturais, passeio volta a ilha, praia da gamboa, visita no bar flutuante. Cada praia tem uma característica diferente, 1 e 2 tem onda, água limpa e mais pessoas. Agora a 4 é bem tranquila, quando a maré está baixa o mar fica lá longe, é bem legal ver isso. A praia é cheia de conchas, não tem ondas, dá pra ver uns peixinhos e uns caranguejos. Nós fizemos o passeio das piscinas naturais, é bem interessante, você é levada até o local, o guia te deixa livre para curtir a piscina, ver os peixinhos nos corais, é bem massa!

Keep calm e férias é bom demais   Uma foto publicada por Taína Sena (@tainasena) em

Resumindo: Morro de São Paulo é uma delícia, geralmente é cheio de casal, ao menos nessa época, vale muito pelas paisagens, belas praias, contato com a natureza. Um único aviso: leve dinheiro físico, pois só existe um caixa do Banco do Brasil e uma mini agência do Bradesco e na maioria das vezes não tem dinheiro.

24mai

Quanto custa jantar no L’Entrecôte d’ Olivier?

Postado por às em Gastronomia, Quanto custa?, Você rica

entrecoteolivierpreco

Não confunda o L´Entrecôte d´Olivier com o L´Entrecôte de Paris, parece que rolou uma bela briga entre os donos e o que era um restaurante acabou virando dois, o mais famoso é obviamente o do Olivier, que leva o nome do famoso apresentador Olivier Anquier.

Nem vou falar aqui o quanto eu amo assistir os programas dele no GNT, por que né? Mas vamos ao que interessa, o restaurante L´Entrecôte d´Olivier já estava na minha lista de visitinhas faz tempo, mas sempre escolhíamos outro lugar e como esse já tem um preço tabelado, muitas vezes achei que não seria interessante para a proposta do Quanto Custa?

Um  belo dia eu resolvi mudar, digo, ir lá! Chamei o Jader e assim na correria, fomos! Escolhemos a unidade do Jardins, manobrista na frente, deixei o carro e entramos sem fila, ok que era uma quarta feira né? Convenhamos!

Hummm

Uma foto publicada por Taína Sena (@tainasena) em

Como todos sabem, o restaurante tem um prato único que é o Entrecôte, um corte que também é conhecido como bife ancho ou filé da costela, um corte bem saboroso e macio e este corte é o único e exclusivo prato do restaurante. O corte é acompanhado de um molho especial, uma receita parisiense e secreta. Muitas pessoas e veículos já tentaram descobrir o tal do segredo e fiquei sabendo que no molho pode ter até fígado de galinha (ECA!), mas ninguém confirma nada.

O ~bife~ é também acompanhado de batata frita refil, isso mesmo, batata frita à vontade. Me segura!

restauranteentrecoteolivier

Bom, chegamos e fizemos o pedido sem muita hesitação, risos, o Jader pediu uma garrafa de vinho pra beber sozinho e eu pedi uma taça de champagne rosé só pra sentir um gostinho da riqueza enquanto esperávamos nosso prato. Confesso que quando chegou, não achei muito bonito/atraente, mas o prato é realmente bem saboroso e o molho bem diferente e interessante. Fora as batatinhas que são sensacionais, tive que me conter com esse lance de refil.

Também experimentei a sobremesa, o famoso moussão de chocolate, eles preparam uma mega taça, não seria taça o nome correto, mas é uma big forma de mousse e quando vc pede eles servem meio que o tanto que você quiser.

mousseentrecote

O atendimento é excelente, não é um restaurante que é aquela coisa requintada, é na verdade bem familiar e os garçons são bem animados e prestativos. Mas quanto custa jantar no L´Entrecôte d´Olivier? Só o prato custa 78 reais, mas nós também pedimos sobremesa, que gira em torno de 24 reais e também tem as bebidas + serviço. Nossa conta deu 376,00 contanto os dois pratos, duas sobremesas, uma garrafa de vinho, refri e minha taça de champagne. Seria um valor mais razoável se não tivesse a garrafa de vinho, mas tem dias que nos damos ao luxo não é mesmo?

Minha única tristeza foi não ter encontrado o chef Olivier Anquier, que obviamente faria pagar o mico de tirar uma foto comigo.

No geral, a experiência é bem interessante, o prato é gostoso. Vale a pena conferir.

Serviço:

www.entrecoteolivier.com.br

Alameda Lorena, 1821 – Jardim Paulista – São Paulo

Telefone: 11 3063-4107

03mai

Os 7 melhores restaurantes de São Paulo

Postado por às em Gastronomia, Você rica

restaurante

Acho que falar sobre comida, restaurantes, saídas noturnas virou meio que uma característica minha, sempre que algum amigo quer ir num lugar especial, ou quer uma indicação de restaurante eu recebo uma mensagem, whatsapp ou telefonema perguntando sobre x lugar, e óbvio, eu adoro falar sobre isso.

Esses dias me deparei com a lista do trip advisor sobre os 07 melhores restaurantes de São Paulo, a maioria ainda não recebeu minha ilustre visita, risos, mesmo assim, achei interessante listar aqui pra gente comentar, trocar uma ideia e ter algumas referências:

1 – Vila das Rosas – Confesso que nem tinha ouvido falar ainda, com foco em comida simples, parece que é um daqueles lugares

2 – La Tambuille – Toda vez que penso nesse restaurante me vem a cara da Val Marchiori na cabeça, ela sempre vai nesse resto, riquíssima que é, diz que o lugar é encantador e a comida mais ainda, eu ainda não tive o prazer de visita-lo, estou esperando cair o din din da mega sena. Risos.

3 – Temakeria Paulista – Especializado em temaki e sushi, de acordo com as recomendações dos clientes, é um lugar com bom atendimento, os produtos são sempre fresquinhos  e possui muitas opções. Parece que o atendimento é meio “digitalizado” – você escolhe o pedido no tablete! Gostei! Pena que eu não sou muito fã de temaki.

4 – Gopala Hari – Essa é pra quem gosta de cozinha indiana, eu confesso que já comi algumas vezes, mas não é aquela paixão. Nunca visitei esse lugar, mas segundo os frequentadores, é um dos melhores na categoria e oferece uma boa cartela de opções e substituições.

5 – Kinoshita – Mais um japa na área, também figura na lista dos nunca visitados por minha pessoa, mas tem bons reviews e aparentemente o custo da experiência também é um pouco elevado, garantindo satisfação com ingredientes frescos e explosões de sabor. Eles tem também um menu degustação, que é bem interessante pra conhecer a casa e a comida.

6 – Sainte Marie Gastronomia – Bom, finalmente um lugar que eu já fui, risos. Esse árabe é apenas maravilhoso, fica escondido na Vila Sônia, só descobri por que fica do lado do meu trabalho. O chef é atencioso e visita cada mesa, o atendimento é personalizado, a comida é gostosa e barata, é inacreditável que você pode comer um prato tão bom, e sair pagando 50 reais com bebida e sobremesa incluída.

7 – Varanda Grill –Também chamado de “restaurantes de carnes” – é um lugar familiar, com bom atendimento, bons cortes, resumidamente: tradicional. Diferente de uma churrascaria, ele tem como foco principal as diferentes variações dos cortes de carne e faz dela o seu principal.

Lembrete que essa lista é do trip advisor, que faz um ranking por categoria/comentários das pessoas que utilizam a plataforma.

Dessa lista, me deu vontade de conhecer 2 ou três lugares, obviamente escolhi os com maior custo, ou seja, vai demorar um pouquinho pra figurar aqui no quanto custa, mas trarei essa experiência pra cá.

E você? já visitou alguns desses restaurantes da lista?

Plugin creado por AcIDc00L: key giveaway
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: posicionamiento web