/ Bradley Cooper

02dez

Pré estreia de Pegando Fogo

Postado por às em Filmes, Gastronomia

NEtRikgs0ZFZxu_1_b
Ontem nós fomos convidados pela Paris Filmes para ver em primeira mão o filme Pegando Fogo com o maravilhoso Bradley Cooper e a linda Sienna Miller. O filme conta a história de um chef que foi viciado em drogas e tem um temperamento explosivo, parece cliché né?

Já no começo do filme você vai saber que aconteceu algo muito pesado em Paris, mas ninguém fala o que é, aparentemente alguma catástrofe por conta de gente muito chapada, no caso o chef Adam Jones, que sai do circuito para se tratar e ficar limpo das drogas.

Depois de se tratar e ficar 2 anos sóbreo, Adam tenta voltar ao mercado e principalmente conseguir a famosa terceira estrela do guia Michelin. No meio de tudo isso tem drama, romance de leve e o mais legal: o ambiente de um restaurante, de como a excelência na cozinha é tratada e como as coisas acontecem por trás do restaurante, claro, tem também aqueles clássicos chiliques dos chefs.

bradley-cooper-pegando-fogo

Eu fiquei sabendo que Bradley tomou um mês de aulas com o famoso chef Gordon Ramsay, para entender melhor todo processo, apesar de em uma entrevista dizer que tem bastante familiaridade com a cozinha.

burnt1

Aqui no Brasil a Paris Filmes convidou o chef Carlos Bertolazzi para ser o padrinho deste filme, o que casa muito bem com o momento do chef, que atualmente está na televisão com o programa Hells Kitchen – Cozinha sob Pressão, todos os sábados a partir das 21:00.

Vocês sabem que eu sou apaixonada por programas de culinária e o programa do Bertolazzi é um grande sucesso e já está na terceira edição, inclusive já falei dele aqui.

Eu fiquei mega empolgada na possibilidade de conhecê-lo e obviamente fiz a tiete e tirei uma fotinha, ele foi muito simpático, quando cheguei em casa minhas filhas perguntaram se ele era bravo, risos.

Conheci o maravilhoso Carlos Bertolazzi hoje na premiere de Pegando Fogo. Obrigada @ParisFilmes pelo convite

Uma foto publicada por Taína Sena (@tainasena) em

No geral eu gostei muito do filme e algumas pessoas com quem conversei também, é uma história que tem alguns pontos altos, tem uma fotografia bem limpa e agrada aos olhos durante todo o filme, eu gostei, como aloka dos programas de culinária, dou meu aval para o filme.

04ago

O que os filmes podem nos ensinar sobre relacionamentos

still-of-jude-law-and-natalie-portman-in-closer--perto-demais-(2004)-large-picture

Natalie Portman e Jude Law em cena do filme Closer, de 2004

Sempre que alguém me pergunta qual meu gênero favorito de filmes eu respondo sem pensar: é o drama! Claro que eu adoro filmes de heróis, gosto muito de ficção e fantasia, mas tenho um amor muito forte pelo drama, pois é o gênero que chega mais perto da vida real, é aquele que mais se assemelha a nossa vida. Acredito os filmes dramáticos são as maiores verdades da vida.

E dentro do gênero drama, a categoria que mais gosto é relacionamento. Os filmes contam as nossas histórias amorosas, mostram nossas vidas na tela, apresentam personagem que já vivemos, eu acho isso tão incrível. E de tanto assistir filmes sobre relacionamentos eu acabei aprendendo algumas coisas e vou tentar dividir com vocês.

closer-filme

1. Não se ache o melhor mentiroso, pois alguém pode mentir mais que você.
No filme Closer, o personagem de Jude Law acredita que é o melhor mentiroso do mundo, porém ele descobre que Alice, vivida por Natalie Portman mentiu pra ele o tempo todo. Ele descobre que pouco do que ela disse, fora o sentimento que viviam, era verdade. O final do filme nos apresenta um Dan completamente despedaçado ao confrontar uma pequena verdade dentre tantas mentiras.

ponte-aerea_filme

2. Se quiser dizer eu te amo, diga!
Em Ponte Aérea, filme lançado esse ano, conhecemos a história de Amanda e Bruno, personagens de Leticia Colin e Caio Blat. O casal se conhece por acaso e entra numa relação forte e bastante fugaz, eles começam a fazer parte um da vida do outro até que notam que não tem nada em comum, porém até quando isso importa? O filme fala sobre nossa relação imediatista das coisas. Na história o casal vive uma fase de amor, porém sem nunca dizer a palavra “eu te amo” e quando tudo já acabou e, talvez, o sentimento não existe mais, eles se perguntam “por que nunca dissemos eu te amo um para o outro?”.

brilho-eterno_filme

3. Nunca tente esquecer ninguém a força, términos levam tempo e você tem que respeitar isso.
Olha só um dos meus filmes favoritos sendo tema de post no blog novamente e com uma das dicas que eu mais levo a sério. Na história de Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças, o personagem de Jim Carrey tenta, forçadamente, esquecer Clementine (a moça do cabelo colorido da Kate Winslet) após ela pagar uma empresa para esquecê-lo. Mas quando as memórias da amada começam a desaparecer, ele se arrepende e começa a colocá-la em várias situações de sua vida, sem saber que ela não estava em algumas delas.

begin-again-filme

4. Não deixe o sucesso subir a cabeça, chega um ponto em que você pode se arrepender.
Um dos filmes mais legais que vi ano passado já foi tema de post aqui também. A trama de Mesmo Se Nada Der Certo pode ser bobinha se você não passar da sinopse, mas se der uma chance para o filme não vai se arrepender. Na história temos a personagem da Keira Knightley, uma cantora e compositora que acompanha seu namorado Adam Levine até Nova Iorque, onde ele será lançado como cantor, ao atingir o sucesso ele muda radicalmente e acaba deixando a moça desamparada. Porém, como toda moeda tem seus dois lados, ele acaba se arrependendo ao notar que seu amor não está nas letras que está cantando. O filme não é sobre o personagem do Adam Levine, é uma história de recomeço da personagem de Keira Knightley e de um produtor musical falido vivo por Mark Ruffalo.

oladobomdavida-filme

5. Não deixe que o problema seja maior que seu relacionamento
Eu amo o filme O Lado Bom da Vida, é uma das “comédias românticas” mais legais que assisti nos últimos tempos. O filme conta a história de Tiffany e Pat, vividos pelos talentosíssimos Jennifer Lawrence e Bradley Cooper e nos apresenta uma lição de vida ótima. Sabe quando estamos com aquele problema que parece ser o fim do mundo e o colocamos no meio das nossas vidas, entre tudo e todos? É esse problema que Tiffany e Pat. Na trama do filme acompanhamos como eles lidam com esses problemas e como conseguem driblar de uma forma incrível, com bom humor, com esperança e união, esses problemas. A maior lição do filme é o fato de que seu relacionamento pode ser maior que seus problemas e isso é incrível, não é?

Plugin creado por AcIDc00L: noticias juegos
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: seo valencia