/ restaurantes em sp

13jun

Novidade: Nova casa Peruana em São Paulo

Postado por às em Comida, Gastronomia

comida peruana

Uma nova casa temática chega para agitar a badalada noite de São Paulo. Barranco Pisco Bar é mais uma opção para quem gosta da cultura peruana, do ritmo caliente latino e do clima de azaração. Inspirado na boemia dos bairros de Lima, no Peru, o local que é um misto de bar e balada, traz a riquíssima gastronomia peruana, drinks típicos e muita música variada.  A inauguração acontece no dia 14 de junho, a partir das 18h, no coração da Vila Olimpia – Av. Dr. Cardoso de Melo, 1639 .

A casa abre cedo, a partir das 18h, para aqueles que querem curtir um happy hour. O menu tem opções para compartilhar e individuais – como o Ceviche de Pescado Personal (R$38,90). Para beber, há drinques clássicos e autorais, com receitas como o do Pisco Sour – com pisco, suco de limão, goma de açúcar, clara de ovo e gotas de angostura (R$30,00). A partir das 21h até 00H, a banda Oficina Latina comanda o som, o local ganha ares de balada, com uma pista animada.  Depois que a banda encerra é a vez dos DJs assumirem a pick up e a pista fica democrática com músicas que vão do funk ao hip-hop.

pisco sour

O ambiente é diferente e inusitado, conta com uma estrutura ampla e decoração totalmente voltada ao universo latino. Possui dois andares e três bares, um deles na área externa com uma temática exclusiva, ideal para quem quer bater um bom papo e curtir um ar fresco.

“O Barranco Pisco Bar quer trazer ao público paulistano e para os turistas da cidade, mais da cultura latina, sendo uma nova opção para casais, amigos e até famílias se divertirem com muita música, dança, se deliciando com ótimos petiscos e drinks peruanos.” explica Marcelo Máximo, um dos empresários responsáveis pelo local.

A inauguração do Barranco Pisco Bar acontece com grandes parcerias – Bombay, Cachaça Leblon e Grey Goose. Quem passar por lá na quinta-feira (14) poderá aproveitar dose dupla de Gin Bombay com tônica. Já na sexta-feira (15) vai rolar uma festa da Cachaça Leblon, com dose dupla de caipirinha. A casa irá funcionar todas as quintas e sextas-feiras, das 18h às 3h.

 Informações e Serviço:

Barranco Pisco Bar

Bar e Música ao vivo

Local: Av. Dr. Cardoso de Melo, 1639 – Vl. Olimpia

Funcionamento: Quinta e sexta-feira das18h às 3h

Valor: após as 19h30 R$40,00 (H) e R$30,00 (M)

Forma de pagamento: Dinheiro e cartão de credito ou débito

Valet: R$20,00

Capacidade: 400 pessoas

Contatos: (11) 3842-4453

23out

Review: Empório San Martin

Postado por às em Gastronomia, Quanto custa?
Fonte: The Fork

Fonte: The Fork

Aproveitando a onda da Restaurante Week eu quis aproveitar o último dia e conhecer um novo lugar. Tinha convidado o boy para almoçar e essa foi uma boa desculpa para ficar mais perto dele, risos. Conversamos e acabamos escolhendo o Empório San Martin, que se auto denomina com um “novo conceito de churrasco”. A escolha se deu pelo cardápio e localização, o restaurante Empório San Martin fica em Moema, próximo da casa do boy.

O cardápio oferecia de entrada uma salsicha alemã, um corte fino de angus com dadinho de tapioca, farofa e vinagrete ou costelinha defumada com batata rosti e milho.

Cheguei no lugar com 30 minutos de antecedência da minha reserva, o espaço é bem agradável e mistura um pouco de empório com restaurante, um conceito diferente. Não há espaço determinado para espera, fiquei meio que me sentindo deslocada. A mesa ficou pronta, me botaram de cara com o banheiro, odiei 5 estrelas, mas ok, eu estava com fome e estava com boy, o que me deixa um pouco menos crítica.

IMG_1362

Fizemos os pedidos rapidamente, uns 15 minutos depois o garçom veio pegar as bebidas e mais 20 minutos pra servir. Uma tragédia anunciada naquele momento. O serviço demorou mais que 40 minutos para trazer a entrada, a bendita salsichona alemã, que estava bem gostosa por sinal, mas o tempo de espera já me azedou ligeiramente. Dai para o prato principal foi uma derradeira… Não pude esconder a minha cara de decepção quando chegou meu prato, minha impressão é que o lugar tenta ser gourmet, mas não tem estrutura pra isso, chegou um corte que de “fino” e “requintado” não tinha nada, 3 dadinhos de tapioca que não estavam no ponto correto, certamente passou o tempo de cocção e a farofa.

IMG_1371

meu prato

O prato do boy estava um pouco mais interessante, eu experimentei a costela defumada, estava muito gostosa. Nesse meio tempo eu observei umas 2 mesas reclamando do preço e dos pratos, eu fiz a fina e não reclamei, mas coitado do boy, ele ouviu minha lamentação. Eu amo sobremesa, chegou a hora! era uma mousse de chocolate com chantili e bolinhos de chuva, cara, mais uma decepção, a mousse parecia ter sido feito com péssimo chocolate e o chantili estava na consistência errada, parecia clara em neve. Eu deixei no prato.

IMG_1364

prato do boy

Resumo da ópera: eu fiquei muito decepcionada com o serviço, o lugar é legal, mas eles não tem estrutura para atender uma alta demanda, ou basicamente a quantidade de mesas que eles dispõem. A comida é boa, mas não compensa a dor de cabeça que passei esperando a vida toda para comer um prato mal executado.

Muito me admira que eles tem carnes como kobe beef, será que eles conseguem servir bem uma “iguaria” tão cara?

Sobre os preços: na Restaurante Week o valor do almoço fica 41,90 + 10% sobre serviços e bebidas. O total do almoço foi 120,00 não foi caro, mas considerando o serviço, sem or. Eu não volto mais.

Fica aqui o relato.

14ago

Quanto custa comer no restaurante Arturito da Paola Carosella?

1417674478092

Eu não sei onde eu estava com a cabeça em chamar o Jader para almoçar no Arturito, um dos restaurantes da Paola Carosella, a jurada mais maravilhosa do Masterchef, não sei onde estava com a cabeça por que me esqueci completamente da fila de espera, ainda mais agora que o programa está no ar e na fase final.

Chegamos lá, a hostess disse que iria demorar 1h30 de espera no mínimo, como eu tinha algumas coisas pra fazer, reservamos e voltamos uma hora depois. Esperamos mais 30 minutos, mas nesse meio tempo pedimos uns petisquetes. Pedimos a famosa empanada de carne, pra beber eu pedi um chá maravilhoso, afinal estava dirigindo. Jader pediu uma cerveja x lá, bem gostosinha.

88715_w840h525_1483709306arturito-empanada2

Chegando na mesa, eu achei bem desconfortável um banco que tem, é tipo um bancão, ele é meio torto, não é gostoso. Pedimos o couvert, era um pão orgânico maravilhoso feito com fermentação natural, pedimos duas rodadas, o preço é 9,50 por pessoa. Depois de encher a pança com esse pão, fui escolher a entrada, queria pedir as famigeradas vieiras, mas o Jader não gosta de frutos do mar, me contentei em comer ostras, pedi um ceviche de ostras frescas pequeno, que vem 3 unidades e custa 25 dinheiros.

Eu achei o menu bem enxuto e ainda assim fiquei bem indecisa, acabei optando por um choripán, que achei mais tradicional, custou 36 reais, basicamente é um pão recheado de linguiça artesanal de porco e um troço chamado gremolata, não sei o que é, mas parecia um vinagrete. Achei gostoso.

Nós também já visitamos o restaurante do Jacquin, confira aqui!

Sobre o atendimento, eu achei que deixa um pouco a desejar, alguns garçons são super atenciosos, outros nem tanto. Pedimos mais bebidas, só chegou a minha, a o Jader se a gente não pede de novo, não chegaria até agora. Na hora de trazer o couvert tbém demorou, sem falar no final, na hora da conta.

ostras

Meu feedback sobre esse restaurante é bem difícil de dizer, já que sou mega fã da Paola, mas achei que é super estimado, acho que mais pelo público do que por sua dona, que claramente segue o natural, a valorização da cadeia produtiva e do produto final. Também não gostei muito das opções do cardápio, talvez por que também não sou muito de frutos do mar. E por fim, o atendimento não ajudou.

A fila é bem grande, mas uma boa dica é ir depois das 14:30 onde o movimento cai e certamente você não vai precisar encarar uma fila.

Gastamos 110 reais cada, Jader tomou 2 cervejas (19,90) e eu 2 chás (9,90) e os pratos que já citei acima. Você já foi no Arturito? Conta ai nos comentários.

21jun

Quanto custa comer no restaurante Mestiço?

mestiço2

Voltando com a tag mais gostosa do blog, vou contar essa semana sobre a minha visita no Restaurante Mestiço, aquele que é super hypado no baixo augusta. Meus amigos do MBA queriam comer bem, me convidaram para ir conhecer este lugar que ainda não estava na minha lista de places to go, mas sou do signo de lanches né? a gente nunca recusa um bom almoço/janta.

O restaurante Mestiço é uma coisa louca, uma casa tradicional da região da Paulista, com mais de 20 anos de existência, mistura a comida tailandesa com baiana, quando eu li eu fiquei meio, oi? Sim, é uma mistura diferente e você acha que não vai dar certo, mas olha, deu certo demais.

Quando cheguei lá, achei a entrada toda bonita, parece um restaurante muito clássico, confesso que o público não é muito jovem, a decoração é bonita, mas daquelas meio quadradas sabe? O espaço é grande e a equipe é muito atenciosa.

Os migos estavam querendo drinks, eu não estava dirigindo então, me deixei tomar alguns deles… gente, o lugar tem os clássicos e também tem o godoy, o drink que mais me agradou, eu só me lembro que tinha vinho branco, suco de limão siciliano e algumas frutas, foi sucesso, eu tomei 2 e o Rafael também tomou 1. Laura e rafa também tomaram Aperol e teve um outro drink preto maravilhoso, tinha acabado de entrar na carta, era algo com pimenta preta e de acordo com o garçom era afrodisíaco.

godoy

Na entrada pedimos as tradicionais cestinhas tailandesas de massa crocante, estavam deliciosas! De prato principal eu pedi um bife de chorizo grelhado com palmito pupunha à parmegiana, sim! que delícia!

mestico

Pra finalizar eu pedi um creme de chocolate belga, os migos foram de cheesecake e essa sobremesa de tapioca, particularmente eu achei bem feia a apresentação e não teria coragem de experimentar, mas segundo a Laura, estava divino.

Cuscudim - Restaurante Mestiço - 16/11/11

Chegou a tão temida hora da conta! eu já imagina que ia ser um valor elevado, uma vez que tomamos uns 8 drinks, eu acho! Os pratos giraram em torno de 78 reais cada, os drinks em torno de 27, as sobremesas entre 27 e 35, logo, se você já fez as contas ai, deu mais de 200 reais por cabeça. Agora se você for jantar e não beber tantos drinks, o valor pra jantar no mestiço vai ser em torno de 110 -150 reais.

Eu gostei bastante da comida e do atendimento, super rápidos e prestativos, ganhamos até um drink grátis por conta de que o garçom se acabou de rir por que passava e ouvia as histórias que contávamos (imagine!).

Mestiço

Rua Fernando de Albuquerque, 277 – Consolação – São Paulo

http://www.mestico.com.br

04nov

Quanto custa jantar no Terraço Itália?

Postado por às em Gastronomia, Quanto custa?
Terraco_Italia

vista do restaurante Terraço Itália (foto: Bem me Quer)

Meu amigo Rafa fez uma bela surpresa e levou a namorada para comemorar o aniversário de namoro no famigerado restaurante no topo de São Paulo, quem nunca sonhou ir com o boy lá? Pedi pra ele fazer um relato pra gente publicar aqui, bora saber quanto custa jantar no Terraço Itália?

Dia 02/11 (sim, finados!) completaria um ano de namoro e, aproveitando a data super especial, decidi levar minha namorada pra jantar no Terraço Itália.
Confesso que sempre quis conhecer o lugar mas nunca tinha tido a oportunidade/momento certo pra ir ate lá, sem também saber quanto isso me custaria (guias normalmente categorizam ele como “caro”, mas quão caro?).

Pois bem, li na internet que seria necessário fazer reserva e no site deles (que é feito em flash e por isso não funciona direito) existem 4 opções de reserva:

Almoço
Jantar Nobre ao som de piano
Jantar Panorama música ao vivo
Jantar São Paulo ao som de piano

Não existe nenhuma referência sobre as diferenças entre eles e eu arrisquei reservar o Panorama. Recebi o e-mail de confirmação e ok.

Fomos em dois carros, saímos os dois do trabalho e fomos direto. Chegando lá, a entrada é pela Avenida Ipiranga, logo abaixo do COPAN. O vallet custa R$25 e recomendo fortemente, visto que a região é bastante degradada e deixar o carro na rua é deveras perigoso.

Entramos no prédio, há um elevador antigo que vai até o 37º andar. Enquanto esperávamos o elevador, notei algumas pessoas chegando em trajes de gala (sim, mulheres de vestido longo!) e fiquei um pouco preocupado…risos

O elevador chegou, fomos até o 37º e de lá pegamos outro elevador até o 41º. Lá é a recepção e os salões Nobre e São Paulo. Fomos instruídos a subir mais um lance de escada e chegamos no panorama.

Ali, ao ser recebido pelo host, tivemos o deslumbramento. O salão é todo envidraçado e a vista é espetacular.

vista terraço italia

vista Terraço Itália – foto by Carlos Alkmin

 

Fomos recentemente para NY e posso dizer que a vista dali é, guardadas as proporções óbvias, tão deslumbrante quanto a do Empire State a noite.

Ficamos um bom tempo olhando a vista, enquanto o garçom trazia o couvert (pães e alguns acepipes). Pedi uma cerveja Cerpa (R$16) e a Lygia pediu água (R$5).

Quando chegou o cardápio, o susto. As massas partem de R$90 chegando a incríveis R$180 em alguns casos. O menu degustação deles, individual, custa módicos R$228.

Eu pedi um Gnocchi de mandioquinha com ragu de linguiça e queijo (R$93) e a Lygia pediu um Mezzelune Ripiene di burrata (R$98).

Os pratos demoraram cerca de 15 minutos e chegaram. A minha porção era bem generosa, boa apresentação. O dela, não estava tão farto assim, e pecava na apresentação.

Finalizamos os pratos, tomei mais uma cerveja enquanto conversávamos e ríamos da banda horrível que estava tocando EMILIO SANTIAGO e pedimos o café e a conta.

Eu tinha lido no cardápio mas me recusado a acreditar que o couvert artístico custa R$47 por pessoa. Mas era isso mesmo. A conta chegou, incluindo os dois estacionamentos e totalizou R$440.

Minha análise: a vista vale demais, a ocasião era perfeita <3 , a refeição não vale.

O Terraço Itália funciona desde 1967 no mesmo lugar; gozou de um grande prestígio por décadas mas não se modernizou e não acompanhou toda a efervescência gourmet da cidade.

Os preços subiram demais e não refletem a nova realidade gastronômica de SP. Comparativamente, o Zena Caffè, que você já viu aqui no Quanto Custa oferece um prato incomparavelmente melhor pela metade do preço.
Portanto, o que faz valer no Terraço Itália é a experiência e a celebração de momentos especiais ao lado de quem você gosta. Isto, não tem preço.

Sendo assim, a dica que dou (e que não achei em nenhum outro lugar) é que você vá ao Bar do Terraço Itália.

Teraço-Italia

vista do bar – foto by sealbag

 

Fica no mesmo patamar do salão panorama (42º andar) e você pagará entre R$30 e R$50 para entrar e ficar bebendo com aquela vista incrível.
Nós saímos de lá com a promessa de voltar pra ir apenas no Bar!

Você pode reservar nesse link.

****este post foi escrito pelo Rafa Liziero, meu amigo desde 2000, que é mais virtual que real, rs! você pode encontrá-lo em instagram.com/rafaliziero****

Plugin creado por AcIDc00L: key giveaway
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: posicionamiento web