/ restaurantes sp

13set

Quanto custa jantar no Praça São Lourenço?

Postado por às em Quanto custa?
Fonte: Praça São Lourenço website

Fonte: Praça São Lourenço website

O mês de agosto foi cheio de visitas a novos restaurantes e vai ter muito material para os próximos dias, vou começar falando sobre o jantar no Praça São Lourenço, tradicional restaurante em São Paulo.

Foi por conta de um compromisso de trabalho que finalmente fui conhecer o Praça, me lembro de ter colocado ele na minha to-do list, mas ficou muito atrás, já que o mercado gastronômico está super em alta, oferecendo uma grande gama de novos lugares para ir.

O restaurante fica na Vila Olímpia e tem uma paisagem linda, com um grande jardim e até um mini rio cheio de carpas, é um ambiente super agradável e conta com uma equipe de serviço bem treinada. Cheguei antes para garantir a reserva e pude observar os detalhes da ambientação e de como os garçons se comportavam.

Esse é um lugar legal que você pode levar sua namorada, ou realizar um jantar de negócios, como foi o meu caso. A sugestão de local veio do presidente da empresa, logo, uma garantia prévia de que o lugar proporcionaria uma agradável noite.

IMG_0576

Começou o serviço, as entradas foram pedidas, pães e frios que além de bonitos, estavam deliciosos, dei uma olhada no cardápio, 28 reais, tinha um pão com fermentação natural (amo), pão de queijo “Serra da Canastra”, presunto parma e chorizo espanhol. Achei bem digno.

Para o prato principal, entre muitas opções, resolvi tentar algo diferente, pedi o polvo com mil folhas de mandioquinha, tinha mais coisas no prato, mas sem or, que delícia. Destaque para o mil folhas que me surpreendeu demais (86).

Para beber nós tomamos vinho, como eu estava dirigindo, me deixei tomar uma tacinha, intercalando com água, o presidente da empresa quem escolheu o rótulo, e pela conversa que tivemos, ele entende bem de vinhos, fomos com o espanhol Finca Resalso 2015 e depois um Chileno cabernet sauvignon (clássico!) Montes Alpha (153 – 212 respectivamente).

IMG_0581

Fechando com chave de ouro, escolhi a sobremesa Don Pedro, um sorvete de baunilha com mascarpone, nozes pecã e um pãozinho com flor de sal (32), confesso que não gostei muito, mas trata-se mais de uma questão de paladar.

Por fim, gostei muito do ambiente, o serviço sempre muito prestativo e a qualidade dos produtos servidos ali foi muito além do esperado. Fica a dica e garanto que você vai gostar muito da experiência proporcionada pelo Praça São Lourenço.

 

Serviço

Casa do Ator, 608 – Vila Olímpia – São Paulo

07dez

Os 5 restaurantes que quero conhecer

Postado por às em Gastronomia

5 restaurantes que eu quero conhecer

Não é segredo pra ninguém que eu gosto bastante de gastronomia, de conhecer novos restaurantes e pratos diferentes, por isso, eu sempre mantenho uma lista de 5 restaurantes que quero conhecer e vou tentando ajustar a minha agenda e a dos amigos, por que né? Eu não sei vocês, mas eu não gosto de sair pra jantar sozinha.

Eu fiz essa listinha com base no que li por ai e as escolhas são bem diferentes umas das outras, espero conhecer todos durante 2017, bora lá?

top10-Biyouz1

BIYOU’Z Restaurante Afro –  o restaurante é simples, fica no centro de SP e me despertou interesse por não conhecer nada da culinária africana. Os pratos têm ingredientes já conhecidos como carnes e banana da terra, mas o modus operandi e os temperos vêm direto da África. Os preços também são bem convidativos, há boatos que irei visitar na próxima semana, não nego, nem confirmo.

esther rooftop

Esther Rooftop – mudando totalmente de estilo, o novo restaurante do Olivier Anquier está mais que na minha lista, primeiro amo o chef, segundo fica na cobertura do edifício Esther, construído em 1930. A ideia do restaurante é exaltar os produtos brasileiros, numa mistura de alimentos comuns na nossa cultura com classe e contemporaneidade.

rendez vous

Rendez-Vous – passando ali pela rua Fradique Coutinho eu avistei a fachada e  surgiu o interesse imediato por conta do título do lugar, a palavra que dá nome ao restaurante é muito interessante, estava pesquisando sobre elas dias antes, significa “encontro”, mas no século passado, também era utilizada para dar nome aos prostíbulos onde os ricos e famosos da época “circulavam”. A proposta dessa casa é trazer comida francesa simples, sem frescuras, os preços também são convidativos.

Restaurante Myk

MYK – eu não sei nada sobre comida grega, sobre a Grécia mesmo, só me lembro de alguns filósofos das aulas na época da faculdade, mas eu acho a arquitetura desse restaurante linda demais e quero comer lá só por isso.

maní

Maní – o restaurante é criação de dois chefes renomados, o menu degustação anda em torno de meio mil reais, risos, mas tem pratos do cardápio normal que atende nós, réles mortais. Mais um restaurante que tem como objetivo enaltecer os ingredientes brasileiros, com requinte e diversificação, utilizando combinações diferentes e improváveis. Quero ir testar por essas combinações e claro, também pelo hype.

Na verdade, a minha lista tem muitos restaurantes, mas o budget não acompanha a listinha! Se você já foi em algum desses restaurantes em São Paulo, comente aqui sua experiência.

Plugin creado por AcIDc00L: bundles
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: seo valencia