27jan

Vindima em Mendoza: Chegou a época de pisar nas uvas

Postado por às em Viagem, Vinho

vindima mendoza

Já é tradição: todo começo de ano, na Argentina, é época da colheita das uvas. São elas que vão dar origem a toda aquela variedade de vinhos maravilhosos que serão apreciados no país e no exterior depois de algum tempo. Essa época é tão importante nas regiões produtoras de uvas como é o caso do Vale do Uco, em Mendoza que ganhou há 70 anos é celebrada com uma festa especial, a chamada Vindima. De tão popular, ela atrai anualmente milhares de turistas à Argentina.

E como não poderia deixar de ser, o Hotel e Vinícola Casa de Uco preparou um pacote mais do que especial para os hóspedes que estão planejando desfrutar das maravilhas do Vale do Uco em 2020. Entre os dias 15 de fevereiro e 30 de abril começa a valer o Programa da Vindima, que, além de muitas facilidades, inclui a principal atração: a colheita seguida da tradicional pisa das uvas.

vindima mendoza

Os hóspedes que escolherem participar deste programa especial terão: transfer privado do aeroporto de Mendoza para o hotel, aula de coquetéis, jantar degustação harmonizado com vinhos, café da manhã à la carte, a esperada colheita (que começa com uma visita as vinhas de Pinot Noir, Cabernet Franc e Malbec) depois é realizada a colheita recreativa e em seguida o piso clássico das uvas. De lá os hóspedes seguem para um almoço especial em meio aos vinhedos do hotel, onde é servido um tradicional assado argentino com vista para a Cordilheira dos Andes.

Depois é só relaxar e curtir o hotel, seja em um passeio de bike ou com uma massagem relaxante de 60 minutos. No dia seguinte, é possível escolher entre visitar duas vinícolas dentro do Vale do Uco ou fazer um passeio a cavalo pelos vinhedos, ambos com almoço incluído. Ou ainda fazer uma “Blending Session” na Bodega Casa de Uco, que termina com um menu de três pratos.

Pacote Vindima: a partir de USD 3,200 em acomodação Cordón del Plata para até 2 adultos por 3 noites.

 

23jan

NOVAS SAFRAS DOS VINHOS ESPORÃO CHEGAM AO BRASIL

Postado por às em Vinho

esporão vinícola

Acabam de chegar ao mercado brasileiro os vinhos Esporão Reserva branco 2018, Esporão Private Selection branco 2017 e Esporão Private Selection Tinto 2014. Produzidos na Herdade do Esporão, no Alentejo (Portugal), sob a supervisão do enólogo David Baverstock, são vinhos emblemáticos, representando a aliança entre a cultura universal do vinho e as artes. A razão? Desde 1985, ano de lançamento do primeiro vinho do Esporão, a empresa convida um artista para personalizar os rótulos desses vinhos, um artista a cada safra. Esta tradição conta agora com a participação de 32 artistas portugueses, 2 angolanos e 1 brasileiro.

OS VINHOS

 

nova safra esporão
O Esporão Reserva Branco 2018 é resultado de uma criteriosa seleção de castas típicas da região, como Arinto, Antão Vaz e Roupeiro, mostrando a consistência dos melhores vinhos do Alentejo. Seu rótulo possui ilustração do artista António Poppe. (Preço:R﹩ 185,00).

As vinhas com idade média de 22 anos, conjugadas com a casta Semillon e a cuidadosa seleção de novas barricas de carvalho francês tornam a safra de 2017 do Esporão Private Selection branco singular entre os vinhos do Alentejo, além de ter potencial de guarda. Seu rótulo tem ilustração de Albuquerque Mendes (Preço: 298,00).

Já o Esporão Private Selection Tinto 2014 traz a combinação das castas Syrah, Alicante Bouchet e Aragonez, que garante uma grande complexidade, estrutura e elegância ao vinho. Estagiou em barrica de carvalho francês durante 18 meses e possui um potencial de guarda. O arquiteto e fotógrafo Duarte Belo ilustra o rótulo deste vinho (Preço: 638,00). Importados com exclusividade pela Qualimpor, os vinhos podem ser encontrados em empórios, lojas especializadas e supermercados do país.

Já o Esporão Private Selection Tinto 2014 traz a combinação das castas Syrah, Alicante Bouchet e Aragonez, que garante uma grande complexidade, estrutura e elegância ao vinho. Estagiou em barrica de carvalho francês durante 18 meses e possui um potencial de guarda. O arquiteto e fotógrafo Duarte Belo ilustra o rótulo deste vinho
(Preço: 638,00).

Importados com exclusividade pela Qualimpor, os vinhos podem ser encontrados em empórios, lojas especializadas e supermercados do país.

20jan

Como foi a Vindima na Vinícola Góes

Postado por às em Gastronomia, Viagem, Vinho

vinicolagoes

 Por esses dias eu escrevi no meu instagram (segue ai! @tainasena) que eu tinha muita vontade de participar de uma vindima, eis que a Vinícola Góes me convidou para participar da sua, que teve início neste final de semana.

Eu sempre tive muita vontade de participar de uma Vindima, pra quem desconhece o termo, é o período onde é feita a colheita das uvas para a próxima safra de vinhos. Muitas vinícolas aproveitam este momento para aquecer as visitas e criar uma experiência memorável para quem participa.

 A vinícola oferece um passeio bem estruturado, cheguei lá e fui recepcionada com um animado grupo dançando músicas típicas italianas. Recebi um chapéu lindo e fomos direcionados à sala de apresentações, onde soubemos um pouco mais de sua história. Depois desse momento, os participantes subiram de trenzinho para o parreiral.

 Chegamos no momento mais esperado, a hora de colher as uvas!

 

vindima goes

vindima goes

 A equipe sempre muito animada foi direcionando os participantes, guiados pelo enólogo responsável Fábio Góes, seguimos colhendo as uvas direto do pé! Pra mim foi muito legal este momento, um momento de conexão!

 Após a colheita, seguimos para a fábrica, onde conhecemos um pouco mais do processo, eu amei ver de perto uma desengaçadeira!

 E a parte lúdica chegou!

 

 Hora de fazer a pisa das uvas que colhemos! Não se preocupe, esse é um processo antigo, muito mais de brincadeira do que de fato realidade, mas é sensacional subir nas tinas e pisar nos cachos de uva! Sem dúvidas alguma, eu subi e fiquei lá me divertindo!

vindima goes

 O passeio tem sequência com um grande almoço em um espaço grande e tranquilo, onde pude descansar e degustar todos os vinhos produzidos pela Góes. Eles hoje têm uma produção de mais de 5 milhões de garrafas, entre vinho suave e vinho fino (seco).

 No final, todos foram convidados para curtir um descanso no jardim com música ao vivo e estrutura para descanso, como redes e cangas para quem quisesse sentar na grama.

Leia mais sobre visitas à Vinícolas

 Eu fiquei muito impressionada com a beleza da vinícola, com a organização e principalmente com a alegria com que cada colaborador da vinícola desempenhava seu trabalho, estão de parabéns!

 Eu indico muito para quem quer fazer um passeio diferente, ter contato com as uvas é muito gostoso! A vindima acontece todos os anos e o pacote custa 265,00 reais, incluindo almoço e as atividades.

 Já quero voltar!

vinicolagoes.com.br/enoturismo

 

07jan

Moët & Chandon brinda o 77º Golden Globe Awards

Postado por às em Episódio de Hoje, Gastronomia, Vinho

Moët & Chandon – orgulhosa por comemorar seu 29º aniversário como o champanhe oficial do Golden Globe – brindou junto aos principais cineastas e estrelas de Hollywood durante a 77ª cerimônia de premiação anual em Los Angeles.

Para a celebração deste ano, mais de 1.500 Mini Moët foram servidas a uma lista de estrelas no tapete vermelho, comemorando o 11º aniversário da popular iniciativa filantrópica da Maison, “Toast for a Cause”.

Celebridades como Scarlett Johansson, Olivia Coleman, Helen Mirren, Winnie Harlow, Pierce Brosnan, Shailene Woodley, Adam Driver, Phoebe Waller-Bridge, Billy Porter, Carol Burnett, Saiorse Ronan, Karamo Brown e muitos outros homenagearam instituições de caridade para as quais Moët & Chandon fez uma doação em nome dos participantes.

Dentre as instituições estão a Solar Responders, uma organização apoiada por Scarlett Johansson, cuja missão é maximizar a capacidade dos socorristas para salvar vidas em situações de emergência, fornecendo uma fonte de energia renovável (http://www.solarresponders.org ), a River Phoenix Foundation apoiada por Olivia Coleman (http://www.centerforpeacebuilding.org/), a Meals on Wheels Austrália apoiada por Helen Mirren (http://mealsonwheels.org.au/) e a Me to We apoiada por Winnie Harlow (http://www.metowe.com/).

Nos bastidores, apresentadores e vencedores comemoraram com os cálices de ouro de Moët & Chandon e Moët Minis, dentre eles Brad Pitt, Sam Mendes, Quentin Tarantino, Ellen DeGeneres, Laura Dern, Patricia Arquette, Renée Zellweger, Stellan Skarsgard, Sofia Vergara, Matt Bomer e muito mais.

Durante a noite, a French Champagne House recebeu convidados como Jennifer Lopez, Robert De Niro, Martin Scorsese e Eddie Murphy. Em suas mesas magnums Rosé Imperial, Grand Vintage 2009 e ‘The Moët Golden Hour’, o coquetel oficial do 77º Globo de Ouro, criado pelo aclamado designer de moda LaQuan Smith. Elegante e fácil de fazer em casa, o coquetel é inspirado nos momentos mágicos capturados antes de qualquer grande noite, dos acessórios ao glamour, elevados por uma taça de champanhe na mão.

A Moët & Chandon celebra a sétima arte desde os primeiros dias, deslumbrante em alguns de seus momentos atemporais e inesquecíveis de glamour, magia e felicidade. Da mesma forma que as lendárias estrelas de cinema fazem as pessoas sonharem em apresentar momentos atemporais no filme, a Moët & Chandon encanta seu público com suas bolhas refinadas e gestos gloriosos.

05dez

La Pastina lança vinhos orgânicos, veganos e biodinâmicos

Postado por às em Vinho

Chakana vinhos naturais

A La Pastina traz ao mercado brasileiro os vinhos orgânicos, veganos e biodinâmicos Nuna e Sobrenatural, da vinícola argentina Chakana, fundada em 2002 na região de Mendoza. Em 2012, a Chakana começou um trabalho de conscientização sobre a importância de recuperar e manter a harmonia de seus solos e passou a utilizar os métodos de cultivo orgânico e biodinâmico em suas vinícolas, resultando em bebidas autênticas e de personalidade.

A linha Nuna (R$ 77,00 cada) conta com vinhos ideais para serem consumidos no dia a dia, em qualquer ocasião. Com aromas de frutas pretas maduras e toque floral, o Nuna Malbec é perfeito para acompanhar uma massa ao molho vermelho ou um belo filé mignon. O Nuna Bonarda tem aromas de frutas vermelhas em compota, notas de mineralidade e nuances de especiarias, acompanha muito bem carne de porco ou uma deliciosa pizza de calabresa. O Nuna White Blend é uma combinação das melhores uvas da região de Mendoza: Sauvignon Blanc, Chardonnay e Viognier. Refrescante, com aroma de frutas tropicais, acompanha muito bem saladas e queijos frescos.

Os vinhos da linha Sobrenatural têm como principal característica a produção natural, sem adição de sulfitos (dióxido de enxofre) em sua produção. Os sulfitos são conservantes que evitam a oxidação do vinho e auxiliam em diversas etapas da vinificação, mas que, quando consumidos em excesso, podem prejudicar a saúde. O Sobrenatural Bonarda (R$ 66,00) incorpora perfeitamente o conceito de vinho natural. Com aroma de frutas vermelhas frescas, notas de rosas e baunilha, harmoniza com pizzas e carnes vermelhas. Já o Sobrenatural Tannat (R$ 99,00) é um vinho exclusivo, apenas 3.000 garrafas produzidas nessa safra. Seu aroma é complexo, de frutas negras, com notas minerais marcantes.

Os vinhos podem ser encontrados em supermercados e empórios premium pelo Brasil.

La Pastina | www.lapastina.com |0800-7218881

Plugin creado por AcIDc00L: bundles
Plugin Modo Mantenimiento patrocinado por: posicionamiento web
Episódios de Hoje